Facebook cria IA que aprende a interpretar imagens sozinha

O Facebook lançou uma nova inteligência artificial que não depende de categorização e precisa de pouca ajuda humana para interpretação de objetos em imagens.

O algoritmo se chama Seer (SElf-supERvised, que significa auto-supervisionado) e já analisou mais de 1 bilhão de imagens publicadas no Instagram. Nessas análises, ele já conseguiu decidir por si mesmo o que deveria ser agrupado com base em semelhança.

Os agrupamentos e análises funcionam com machine learning, da seguinte forma: Se a figura na imagem tinha pelo, orelhas pontuas e bigodes, a foto era colocada em uma mesma categoria. Depois, a inteligência era alimentada com uma quantidade pequena de imagens, algumas contendo a categoria “gatos”. O Seer, então, conseguia reconhecer as imagens como gatos da mesma maneira que IA treinadas com milhares de imagens categorizadas.

Para cientistas, a pesquisa realizada pelo Facebook é um marco dentro do aprendizado auto-supervisionado de máquinas.

O Facebook poderia, também, utilizar o Seer para ligar publicidade a posts ou para filtrar conteúdo indesejado.

FONTE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *