loader

Em agosto do último ano, o Facebook implementou mudanças no aplicativo WhatsApp (que pertence a empresa) para combater a propagação das fake news. Entre essas mudanças, estava parceria com agências e inteligência artificial para checagem de fatos. 

Recentemente a empresa anunciou que um ano depois dessas implementações, mais de 1,5 milhões de contas foram banidas do aplicativo por se tratarem de bots usados para espalhar notícias falsas, além de alimentarem discursos de ódio.

Porém, o WhatsApp se recusou a comentar o fato por meio de sua assessoria de imprensa.

Mesmo com um grande número de contas identificadas e banidas, o WhatsApp ainda é considerado a principal plataforma de propagação de fake news em proporções industriais, apesar do esforço constante da empresa para combater este tipo de ação em nível mundial.


FONTE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *